O Bruto | Deputado Jorge Solla faz trocadilho sobre Lava Jato: “A Lava Jato “desMorolizou”, brinca o parlamentar ao criticar o juiz Sérgio Mouro

Deputado Jorge Solla faz trocadilho sobre Lava Jato: “A Lava Jato “desMorolizou”, brinca o parlamentar ao criticar o juiz Sérgio Mouro

01/04/2016

A atuação do juiz Sérgio Moro, na condução da Lava Jato, foi alvo de piadas por parte do deputado federal do Partido dos Trabalhadores (PT), Jorge Solla. Em entrevista a Rádio Vida FM (106,1), ele desmereceu o trabalho do magistrado e ainda fez um trocadilho. “A Lava Jato “desMorolizou”, brincou o parlamentar. Segundo Solla, o vazamento das informações e as aparições midiáticas do juiz fizeram com que a operação perdesse a credibilidade.

Durante a entrevista, o deputado federal falou ainda sobre a saída do senador Valter Pinheiro do Partido dos Trabalhadores. Na opinião de Solla, o momento foi inoportuno, já que Pinheiro anunciou a saída no mesmo dia em que o PMDB tornou público sem rompimento com o governo. “Não entendi por que tomou essa decisão nesse momento. Não era essa a hora certa, mesmo dia que o PMDB oficializou a saída do governo, foi equivocada a decisão dele. Ele deveria esperar um momento mais oportuno”, disse.

Embora alguns aliados do PT tenham intitulado o senador Pinheiro de traidor, Solla preferiu não adjetivar o colega. O parlamentar disse inclusive que o PT perde muito com a saída do senador Valter Pinheiro, na opinião dele um grande político. “O nome dele vinha sendo pensado para Prefeitura de Salvador. Perde a capacidade política, perde essa referência. Lamento, uma perda importante. Mas pegou mal para ele não para o governo, nem para o PT”, finalizou.

Notícias Relacionadas

auxilio

Na Bahia, João Roma promete Auxílio Brasil permanente

politica

Após aprovação do relatório final da CPI, Trump divulga mensagem a Bolsonaro

bahia

Governo prorroga decreto que libera eventos com até 500 pessoas na Bahia

entretenimento

Ivete Sangalo recebe convidados baianos no Música Boa Ao Vivo de amanhã (31)

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO