O Bruto | Distribuidores de cerveja foram usados pela Odebrecht para mascarar doações eleitorais

Distribuidores de cerveja foram usados pela Odebrecht para mascarar doações eleitorais

25/03/2016
Um grupo pode ter usado distribuidoras de cerveja para mascarar doações eleitorais a políticos feitas pela Odebrecht, segundo os documentos e planilhas que se tornaram públicas. Segundo matéria publicada no Estadão, desde que as planilhas foram reveladas, na quarta (23), políticos citados nas listas de beneficiários de recursos vêm negando ter recebido recursos de forma irregular. Ao justificar as doações da Odebrecht, alguns apresentaram recibos de doações oficiais em nome das empresas Leyroz de Caxias ou Praiamar. Agiram assim, por exemplo, o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), e o ministro da Educação, Aloizio Mercadante (PT). Essas contribuições podem ter superado a cifra de R$ 30 milhões.

Notícias Relacionadas

auxilio

Na Bahia, João Roma promete Auxílio Brasil permanente

politica

Após aprovação do relatório final da CPI, Trump divulga mensagem a Bolsonaro

bahia

Governo prorroga decreto que libera eventos com até 500 pessoas na Bahia

entretenimento

Ivete Sangalo recebe convidados baianos no Música Boa Ao Vivo de amanhã (31)

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO