O Bruto | Operações e abordagens derrubam roubos a coletivos em 36%

Operações e abordagens derrubam roubos a coletivos em 36%

08/05/2018 Por: Redação

Abordagens, revistas, atuação de policiais disfarçados, dentre outras ações realizadas pelos Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (Gerrc) da Polícia Civil e da Operação Gemeos da Polícia Militar conseguiram reduzir os roubos a coletivos em 36,4%, nos primeiros quatro meses de 2018, se comparados com o mesmo período do ano anterior.

Entre janeiro e abril foram contabilizados 359 casos a menos que em 2017. Durante o quadrimestre, a Operação Gemeos realizou, preventivamente, abordagens a 4.202 coletivos, em 14 mil pontos e estações de ônibus, em mais de 56 mil pessoas e a 527 táxis. As ações de repressão resultaram em 70 prisões em flagrante, cinco mandados cumpridos, 17 termos circunstanciados de ocorrências e 40 conduções de suspeitos. Quanto as armas utilizadas nos crimes em coletivos foram apreendidas 21 armas de fogo, 16 armas brancas e 10 simulacros.

Para coibir essa prática delituosa, o comandante da Operação Gemeos, major PM Gabriel Neto revelou que ações são realizadas em locais com grande aglomeração de pessoas. “Essas revistas, em conjunto com o apoio da população que pode utilizar os canais disponibilizados pela Secretaria da Segurança Pública (Disque Denúncia através do 3235-0000) ou o WhatsApp da própria especializada (71 99984-8579), têm contribuído para a redução do crime e prisão dos ladrões”, destacou o oficial.

De acordo com o coordenador do Gerrc, delegado José Neles, as batidas realizadas pelas equipes do grupo em casas comerciais e de conserto – muitas vezes fachadas para crimes de receptação dos aparelhos celulares, principal objeto de desejo dos bandidos, – e em bocas de fumo, são efetivas atividades após o delito. “Hoje também efetuamos o bloqueio de aparelhos roubados”, complementou o delegado, lembrando o serviço desempenhado pela Polícia Civil desde 2015.

Notícias Relacionadas

IPVA

Diretor do Detran-BA afirma que não recebeu notificação da Justiça e blitze para apreensão de veículos continuam em todo Estado

Bahia

OAB consegue liminar que proíbe apreensão de veículos por falta de pagamento do IPVA

Saúde

Primeira policlínica da Bahia já realizou mais de 76 mil exames e consultas

Política

Júnior Muniz fecha com Nelson Leal para presidência da ALBA

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO