O Bruto | Toque de recolher : PM terá efetivo máximo para “conduzir” quem estiver na rua após às 20h

Toque de recolher : PM terá efetivo máximo para “conduzir” quem estiver na rua após às 20h

18/02/2021

Durante os sete dias do toque de recolher na Bahia, a Polícia Militar colocará seu efetivo máximo nas ruas para garantir que o decreto seja cumprido. Segundo Flávia Barreto, porta-voz da PM, o principal objetivo da tropa não será prender as pessoas, mas quem estiver nas ruas após às 22h poderá ser conduzido pela PM para uma delegacia.

“Esta é uma ação para preservar a saúde e estamos orientando desde já para que as pessoas não permaneçam na rua. Caso encontremos pessoas descumprindo o que está estabelecido, aí sim iremos conduzir para a delegacia porque estarão cometendo dois crimes previstos no decreto, que é o de desobediência e o crime contra a saúde pública. Essa condução só será feita se as pessoas insistirem em permanecer nas ruas aglomerando. Quem estiver se deslocando para suas residências ou a procura de serviços essenciais, como farmácias e hospitais, poderá circular normalmente. Tudo será analisado e com muito bom senso iremos permitir ou não a circulação das pessoas”, esclareceu.

Ainda de acordo com a major, a PM vai fiscalizar estabelecimentos comerciais que tenham venda de bebida alcoólica. O toque de recolher começara amanhã, sexta-feira (19) e vai até o dia 25 de fevereiro. Ele acontecerá em 343 cidades baianas, das 22h às 05h.

Notícias Relacionadas

bahia

Secretário da Saúde da Bahia Fabio Vilas Boas faz apelo “sejamos fiscais da saúde”,

COVID-19

Secretário de Saúde Léo Prates rebate Bolsonaro : “Não é nem mimimi, nem frescura até porque o Presidente da República vacinou a mãe dele “

salvador

Alaíde do Feijão é internada em Salvador após testar positivo para o novo coronavírus

bahia

Petroleiros da Bahia retomam greve 15 dias após suspensão do movimento

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO