O Bruto | Trá, trá, trá!! Deputado Alex Lima (PTN) liga a metralhadora contra o PTN

Trá, trá, trá!! Deputado Alex Lima (PTN) liga a metralhadora contra o PTN

11/04/2016

O deputado estadual Alex Lima (PTN) ligou a metralhadora giratória e disparou contra seu próprio partido. Em entrevista a Rádio Vida FM (106,1), nesta segunda-feira (11), o parlamentar teceu duras críticas a indicação do ex-subprefeito de Itapuã, Jackson Souza, ao cargo de direção no Detran e também condenou a postura do deputado federal e presidente nacional da legenda, João Carlos Bacelar, ao “bater boca” com uma jogadora de vôlei nas redes sociais.

“Meu partido cometeu um grande equívoco ao indicar o Jackson Souza. Ele não tem competência para ser diretor nem para ocupar a função que exerce hoje que é chefe de gabinete. Precisou passar pelo constrangimento da recusa do governador Rui Costa que não permitiu que ele ocupasse o cargo de direção. Isso tem que acabar. Não tem competência, quer ser vereador e fica usando o órgão. Ele gosta muito é de empresário. O que vejo é uma grande salada de fruta”, disse.

O deputado falou ainda sobre o deputado Bacelar que “bateu boca” nas redes sociais com a jogadora de vôlei de praia, Ana Paula Rodrigues Henkelna, noite do último domingo (10). Segundo Lima, o presidente nacional da sua legenda se equivocou ao adotar a postura agressiva. “Essa não é a melhor forma de tratar uma mulher”, disse.

Contra o impeachment, o deputado torce para que o processo não seja aprovado. De acordo com Lima, a presidente foi eleita de fora legítima por meio do voto e não cometeu nenhum crime que justifique a sua saída do governo. “Espero que tenhamos maturidade política para viver esse momento. O Brasil não suporta mais esse modelo perverso injusto, está claro que mais que uma guerra política é uma disputa econômica. Administrativamente a presidente cometeu equívocos, mas juristas já atestaram que não são suficientes para afastar. Prefeitos tem contas reprovadas todos os dias e nem por isso não são alvo de impeachment. Espero que seja levado em consideração o voto de mais de 50 milhões de brasileiros”, finalizou o deputado.

Notícias Relacionadas

auxilio

Na Bahia, João Roma promete Auxílio Brasil permanente

politica

Após aprovação do relatório final da CPI, Trump divulga mensagem a Bolsonaro

bahia

Governo prorroga decreto que libera eventos com até 500 pessoas na Bahia

entretenimento

Ivete Sangalo recebe convidados baianos no Música Boa Ao Vivo de amanhã (31)

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO