O Bruto | Após encontro com João Roma, Sturaro admite que pode ingressar na política

Após encontro com João Roma, Sturaro admite que pode ingressar na política

07/06/2021

Após a repercussão do encontro com o ministro da Cidadania João Roma, no último domingo (6), o ex-comandante de operações da Polícia Militar da Bahia, Coronel Humberto Sturaro, admitiu que pode ingressar na política alinhado ao ex-aliado de Neto.

Em suas redes sociais, nesta segunda-feira (7), Sturaro publicou um vídeo onde fala do encontro e admite que pode se candidatar a alguma cargo legislativo. Entretanto, o coronel da reserva afirmou que só entrará na política caso Roma seja candidato ao governo do estado em 2022, o que ainda caminha no campo das especulações.

“Eu estou sendo questionado pela foto que postei com o ministro João Roma. Eu sempre fui leal a todos os governos a quem servi, ninguém pode questionar isso […] mesmo não concordar algumas vezes com a regra do jogo, sempre fui leal e fiel aos meus comandantes. Sempre conversei com alguns amigos ‘por que não tentar uma carreira política?’, já que estou na reserva, cumpri meus 36 anos, fui até o último dia de minha gestão. Por que não tentar colocar em prática através da política tudo aquilo que almejamos para a Segurança Pública? Gostei da ideia, abracei, estudei e vi que não teria vaga para isso. Não teria espaço para mim”, começa Sturaro. Atualmente, a polícia tem dois representantes dentro da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba): Soldado Prisco (PSC) e Capitão Alden (PSL).

“Aí que surge o ministro João Roma, que sempre vi em sua gestão no Ministério da Cidadania como fiel da balança ao governo federal que sempre almejamos. E com o ministro sendo uma terceira via para o nosso estado, aí sim teria uma possibilidade, porque é uma pessoa que comunga de nossas ideias e que me abraçou. Se o ministro seguir um caminho, eu irei seguir ao seu lado, preparado para as fake news, para as críticas construtivas e destrutivas, mas faz parte. Aí eu teria coragem. Se ele seguir um caminho, eu vou seguir ao lado. Se ele não seguir caminho algum, ficarei no mesmo lugar que estou […] Bahia, deixa eu cuidar de você”, completa o coronel.

Notícias Relacionadas

POLITICA

Cortejado pelo PSD, Rodrigo Pacheco garante a Neto que fica no DEM

BA 116

Gestante em trabalho de parto consegue chegar a hospital após ficar presa em engarrafamento na BA

PAULO AFONSO

MPF investiga militares por suspeita de fraude em esquema de transferências universitárias

SALVADOR

Menina de quatro anos morre após cair de segundo andar de prédio

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO