O Bruto | Estudante de Direito encomenda morte do marido por R$2,5 mil

Estudante de Direito encomenda morte do marido por R$2,5 mil

15/01/2016

Um crime bárbaro chocou a cidade de Catú. A estudante de direito Monique Francielle dos Santos Silva, de 23 anos, encomendou a morte do marido e após o crime ainda teve coragem de fazer uma declaração nas redes sociais. Ela teria pago R$2,5 mil a um adolescente para matar o esposo, o estudante de enfermagem Darlan dos Reis Pinto, 32 anos. Conforme a investigação, a moça tinha a intenção de ficar com o patrimônio do homem e receber o seguro de vida da vítima.

Após a morte, ela fez um post em uma rede social. “Meu coração está partido, um pedaço de mim se foi”, diz trecho da mensagem publicada pela jovem em seu perfil no Facebook. A mulher foi presa na quarta-feira (13), quase um mês após o homicídio.

Junto com a mensagem na rede social, a jovem postou uma montagem com fotos dela, do marido e do filho do casal, de dois anos de idade. “Que Deus cuide de você e te coloque em um bom lugar pois tenho certeza ele esta cuidando de você. E que um dia irei te encontrar. Te amo e sempre vou te amar”, publicou a jovem. A polícia afirma que ela já tinha tentado outras vezes e que tinha costume de dopar o marido.

Notícias Relacionadas

TREMENDAL

Homem é preso na Bahia por esquartejar esposa no Natal

auxilio

Na Bahia, João Roma promete Auxílio Brasil permanente

politica

Após aprovação do relatório final da CPI, Trump divulga mensagem a Bolsonaro

bahia

Governo prorroga decreto que libera eventos com até 500 pessoas na Bahia

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO