O Bruto | Governador entrega Terminal de Integração em Pirajá

Governador entrega Terminal de Integração em Pirajá

04/02/2016

Limpo, seguro e bonito são os três adjetivos mais utilizados por ambulantes, passageiros e condutores de ônibus para qualificar o Terminal de Integração Ônibus-Metrô de Pirajá, que foi oficialmente entregue na manhã desta quinta-feira (4) pelo governador Rui Costa e o presidente da CCR Metrô Bahia, Luís Valença.

Durante visita ao local, Rui Costa afirmou que está empenhado em promover a integração dos ônibus que chegam à estação Pirajá com o Metrô de Salvador. Na opinião do governador, o investimento realizado só faz sentido se houver a integração tão desejada pelos passageiros. “Hoje, estamos oficialmente fazendo a entrega deste terminal de Pirajá para a população, que vai funcionar integrado com a estação do metrô. Estamos negociando – o Governo do Estado, a CCR e as empresas de ônibus -, o acordo final”.

O governador também informou que participa nesta quinta de uma reunião com o intuito de fixar uma data para a integração definitiva de todos os ônibus metropolitanos e intermunicipais que serão integrados ao metrô. “Vamos fixar uma data de integração do ônibus urbano. Em terminais como este só terão acesso os ônibus integrados”.

O Terminal é ligado à estação de metrô por passarelas, escadas rolantes e elevador, com monitoramento 24 horas, por meio de 50 câmaras de vigilância. Sob administração do Governo do Estado desde abril de 2014, o Terminal de Ônibus de Pirajá – o segundo em movimentação de transbordo de Salvador, atrás apenas da Estação da Lapa, com cerca de 130 mil passageiros/dia – recebeu investimentos da ordem de R$ 22 milhões.

O governador também viu o andamento das obras do Complexo Pirajá, onde vão funcionar o setor administrativo e o pátio de manutenção dos trens do metrô. A exemplo de todas as obras do Sistema Metroviário Salvador-Lauro de Freitas, as melhorias no terminal Pirajá são resultado de parceria público-privada (PPP), firmada entre a concessionária CCR Metro Bahia e o Governo do Estado.

O presidente da CCR, Luís Valença, explicou que “no contrato de concessão firmado no final de 2013 existe a obrigação de, além construir as Linhas 1 e 2 [do Metrô], ampliar e reformar os terminais que já existiam”. Segundo ele, o terminal foi ampliado em 11 mil metros quadrados e teve todas as plataformas reformadas. “Hoje, contamos com 32 novas baias. Faziam parte da nossa obrigação, que está cumprida e entregue ao Governo da Bahia”.

Notícias Relacionadas

TREMENDAL

Homem é preso na Bahia por esquartejar esposa no Natal

auxilio

Na Bahia, João Roma promete Auxílio Brasil permanente

politica

Após aprovação do relatório final da CPI, Trump divulga mensagem a Bolsonaro

bahia

Governo prorroga decreto que libera eventos com até 500 pessoas na Bahia

SIGA:
© 2017 Todos os Direitos Reservados à O BRUTO